posts recentes

...

21 anos de nós 2... 4 ano...

Os homens deviam nascer m...

Vai correr tudo bem

Eu sei que não tem sido f...

O meu primeiro dia de esc...

Aqui vamos nós

A magia da arte

A caminho

Mães quase perfeitas

Laçada#1

Dizem que os opostos se a...

Simplicidade

Há muito tempo...

Limites

Há dias assim...

A Vida de Adèle

Objectivos#6

Aprender a amar(-me)

Objectivo#5

arquivos

Fevereiro 2015

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2011

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Quarta-feira, 27 de Agosto de 2008

Ponto de situação

Continuo surda do ouvido esquerdo, estou com uma "moca" enorme por causa do Brufen e a preparar-me psicologicamente para a possivel diarreia que o antibiótico vai causar.


Escrito por zita às 11:46

link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 26 de Agosto de 2008

Mas ainda há mais...

Para além de tudo o que me tem acontecido e que não considero nada favorável ao meu estado psicológio (não é pessimismo gente... é a realidade), ontem, depois do jantar, tive pela primeira vez dores de ouvidos. O meu ouvido esquerdo estava a dar comigo em doida e, eu que fujo a sete pés de médicos, serviços de urgência e hospitais... dei por mim a chamar um médico para me acudir. Diagnóstico do Doutor: uma otite. Eu que descubra quem me anda a "picar o boneco"... eu que descubra!!!


Escrito por zita às 23:14

link do post | comentar | favorito
|

Pior é impossível(?)

Pior do que voltar de férias sem qualquer vontade para iniciar funções no local de trabalho, é chegar ao mesmo e ter, em cima da secretária, uma carta de rescisão. Tudo porque já assinei 3 contratos nesta empresa e, em alternativa à efectividade, fizeram-me a proposta de ir para casa durante um mês (de férias) para depois assinar um novo contrato com outra entidade e a receber menos 100 euros. Melhor proposta não seria possível... calculo.


Escrito por zita às 23:06

link do post | comentar | favorito
|

Domingo, 24 de Agosto de 2008

As férias (já) deixaram saudades...

 

 

... dos pequenos-almoços tardios de croissants quentinhos na Mabi em Vila Nova de Milfontes; dos finais de tarde na praia do Carrascal; da areia fina da praia dos Aivados; das ondas da praia do Malhão; da salada de polvo de Vila Nova de Milfontes; do arroz de marisco em Odeceixe; do pão alentejano; da cerveja geladinha; dos copos à noitinha; de não ter horas para acordar; de nunca saber o dia em que estava; do calor durante o dia e do frio à noite; da simplicidade e da simpatia dos habitantes de Odeceixe; da Tasca da Saskia; da paragem por Porto Covo; do branco e do azul das casas; dos girassois e dos campos de milho; de simpesmente não pensar; de viver um dia de cada vez; do cheirino a grelhados; de tudo... de cada cor, cheiro, sabor ou textura.

 


Escrito por zita às 01:42

link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 22 de Agosto de 2008

A minha melhor amiga...

... foi a primeira amiga de todas as amigas. Foi a menina com quem brincava na rua desde os meus seis anos de idade. Foi a amiga com quem dormi mais vezes. Foi a primeira amiga a quem confidenciei segredos e a primeira de quem guardei segredos. Foi aquela amiga cúmplice das mentirinhas das saídas à noite. Foi aquela amiga com quem troquei as dúvidas da adolescência. Foi aquela amiga com quem fumei o primeiro cigarro. Foi aquela amiga das trocas de roupa, das compras e das férias juntas. Foi aquela amiga dos copos. Foi aquela amiga das discuções filosóficas e das dúvidas existênciais. Foi aquela amiga das lágrimas de dor, de amor, de injustiça e de tanto rir. Foi aquela amiga com quem se imagina o futuro e se faz projectos e se "combina" casar no mesmo dia. Foi aquela amiga das conversas até de madrugada e com quem se faz esparguete às três da manhã só porque sim ou se abre uma lata de leite condensado sem ninguém saber. Foi aquela amiga de quem se tem fotos de todos os aniversários. Foi aquela menina, que juntamente comigo cresceu e se tornou mulher... umas vezes mais perto... outras vezes a kilómetros de distância... foi e será sempre a melhor amiga por tudo o que acima escrevi e não escrevi (porque há coisas que fazem tão parte de nós que não há palavras que as descrevam). Foi e é aquela amiga que liga de longe, muito longe só para nos dizer: "- Vou ser mãe!" - e não conseguimos conter as lágrimas... e lembrar que um dia, lá muito atrás, saltávamos à corda, jogávamos ao bate-pé e os sonhos não nos cabiam nas mãos.


Escrito por zita às 02:03

link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 7 de Agosto de 2008

Contagem decrescente#2

 

Já só faltam seis horas!!!


Escrito por zita às 13:03

link do post | comentar | favorito
|

O Senhor da muleta - parte II

Hoje, para além do senhor da muleta (que assim que entrou sentou-se de costas, virou-se para trás e fixou o olhar em mim como se soubesse do meu pânico por ele e pela sua muleta), entra no autocarro um tipo com um olho virado para o céu e outro para a terra, que comprimentava todas as pessoas com um aperto de mão enquanto declamava provérbios e adivinhas. Mas isto não é tudo... hoje tive direito a um anãozinho como passageiro. Tenho quase a certeza que debaixo de um dos bancos do autocarro... estava o Peter Pan e a Sininho.


Escrito por zita às 10:00

link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 6 de Agosto de 2008

(Para ouvir enquanto se lê)

 

O senhor da muleta está para mim nesta altura como o tubarão esteve há 20 anos. E mal vejo o senhor da muleta entrar no autocarro com a sua arma que parece ter vida própria... em primeiro lugar surge-me a música do tubarão na cabeça, depois rezo uma ladainha: "- Não te sentes aqui. Não te sentes aqui por favor. Não te sentes nem ao meu lado nem à minha frente por favor." Tudo isto porque, ás vezes, basta uma má experiência para se ficar traumatizado para a vida toda. A primeira vez que viajei naquele autocarro com o senhor da muleta, este sentou-se ao meu lado quase com metade do seu rabo em cima de mim. Eu passei para o banco que estava à frente dele. Ele mandou-me com a muleta nas canelas (acho que ainda me doi) e de seguida... um pontapé no pé. Pior que tudo isto para mim, é o senhor da muleta não falar... nem para pedir desculpa.

 


Escrito por zita às 11:03

link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 5 de Agosto de 2008

A vida resolvida

Para alguns, ter a vida resolvida é, ter uma prestação mensal de uma casa até ao 60 anos (ou mais) com a taxa de juro a aumentar todos os meses. Para alguns, ter a vida resolvida é, ter um filho aos 30 anos no máximo das hipóteses. Para alguns, ter a vida resolvida é, casar antes dos 30 anos. Para alguns, ter a vida resolvida é, ser efectivo numa empresa independentemente de se gostar ou não do que se faz. Para alguns, ter a vida resolvida é ter, para além da prestação da casa, uma prestação de um carro. Para alguns, ter a vida resolvida é, ter alguém para dividir uma renda, contas mensais, Para alguns, ter a vida resolvida é, viver como a maioria das outras pessoas, tal qual carneirada, para não destoar muito, para não chamar a atenção, para não se ser a ovelhinha negra. Tudo isto me passaria ao lado se não fosse o facto de, quem me ensinou que a vida somos nós que a fazemos, que a felicidade está dentro de nós, que não importa o que os outros pensam,  AGORA, aos quase 30 anos, quererem que eu resolva a minha vida sugundo os parâmetros acima mencionados e considerados os correctos(?).

 


Escrito por zita às 10:31

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Segunda-feira, 4 de Agosto de 2008

Música(lidades)#17


Escrito por zita às 11:28

link do post | comentar | favorito
|

Fevereiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


tags

todas as tags